previous arrow
next arrow
Slider

BIBLIOTECAS PÚBLICAS, COWORKING E INOVAÇÃO (24/04/2014)

Imagine uma biblioteca, onde sem ter que sair do lugar onde está sentado (e sem ter que consumir ou pagar aluguer do espaço), pode estudar, trabalhar, ler, usar o seu portátil e aceder gratuitamente a uma rede de Wi-Fi, atender o telemóvel ou falar no Skype, conversar livremente e ainda tomar uma bebida ou comer algo... Tudo num espaço super confortável e luminoso. Essa biblioteca existe e está em Figueiró dos Vinhos.

As bibliotecas sempre foram locais de trabalho para muitos dos seus utilizadores mas condicionava-os os espaços, as políticas de utilização desses espaços e os restantes utilizadores.

 

A Biblioteca Municipal de Figueiró dos Vinhos pretende propor um novo conceito de biblioteca, que responda aos novos desafios da atualidade e às novas necessidades das pessoas em matéria de informação, conhecimento e cultura. Mas para isso é preciso mudar, ampliar, adaptar e reformular o espaço tradicional da biblioteca, criando um novo modelo mais centrado nas pessoas e menos nas coleções. Respondendo a uma tendência de mercado crescente, a do trabalho colaborativo, e à necessidade constante de atualização neste mundo da inovação, a nossa biblioteca quer diferenciar-se das demais bibliotecas públicas portuguesas, oferecendo valor acrescentado à população local e conquistando novos públicos.

 

As pessoas que hoje frequentam as bibliotecas públicas querem, cumulativa e gratuitamente, ter acesso a informação atualizada (impressa e digital), a canais e ferramentas de comunicação disponíveis virtualmente através da Internet e a um local calmo, agradável, moderno e funcional que permita várias apropriações do espaço. Se alargarmos a nossa visão, encontraremos novos públicos alvo para as bibliotecas: dos desempregados aos trabalhadores independentes ou freelancers. Ali poderão encontrar espaços ideais para promover a criatividade, a inovação e o empreendedorismo, com excelentes condições para trabalhar.

 

Saiba mais em: http://eprints.rclis.org/20485/1/Biblioteca-agora.pdf